10 julho 2008

A peça mais valiosa

No jogo de xadrez, a Rainha é a peça mais valiosa. Ela desliza por todos os lugares, em horizontal, vertical e diagonal, com absurda superioridade sobre todas as demais peças.

Se estiverem com suas Rainhas, os jogadores conseguem atuar de igual para igual, ficando o confronto totalmente equilibrado, até que alguma jogada possa desequilibrar a favor de alguém. Quando o jogador captura a Rainha de seu oponente, a tendência de uma vitória a seu favor aumenta de forma considerável. Aquele que perdeu a peça fica vulnerável e dificilmente escapa da derrota.

O xadrez também tem outras peças de poder, mas nenhuma igual à Rainha. As outras peças até conseguem “empurrar com a barriga” por algum tempo, mas a qualidade do jogo de quem perdeu sua “dama” diminui intensamente e a probabilidade do jogador “despencar” no tabuleiro é imensa.

A saída de Roger soou como uma bomba para o Grêmio, o qual precisava muito do talento do meia para o restante da temporada. Numa espécie de complemento, o Grêmio recuperou o bom futebol de Roger, o qual, em contrapartida, ajudava o clube com seu futebol diferenciado.

Capturaram a Rainha do jogo de xadrez do Tricolor. Resta, agora, usar outras peças como Tcheco e Souza, este recém contratado, para fazer com que o time continue podendo atuar de igual para igual com seus oponentes, com o objetivo de permanecer nos lugares mais altos da tabela do Campeonato Brasileiro.

2 comentários:

Expedito Paz disse...

Ontem o Grêmio já sentiu bastante a ausência do Roger. O time em vários momentos ficava dando chutões pro Perea e pro Marcel. E Rodrigo Mendes é mais um atacante que um armador clássico. Realmente, comeram a rainha tricolor...

Alma Tricolor disse...

não vi esse ultimo jogo, mas parece q foi nitida a perda desse jogador pro gremio....
muito bom o texto bariviera...... abraços